quinta-feira, 3 de março de 2011

Começos

O problema dos novos começos é que eles precisam de algo para terminar. Alguns finais levam um tempo para se revelarem. Mas quando isso acontece, eles são mais fáceis de ignorar. Alguns começos iniciam tão silenciosamente, que você nem nota quando acontecem. Mas muitos finais vêm quando você menos espera. E o que eles pressagiam é mais negro do que você imagina. Nem todos os começos são para se celebrar. Muitas coisas ruins começam: brigas, época de gripe. E a pior de todas... Quero começar algo.  (Gossip Girl)

Tantas vezes pensamos, refletimos, estudamos e chegamos a uma decisão: está na hora de um novo começo. Então começamos a colocar em prática tudo aquilo que planejamos, só que...bem, só que não dá certo. O inesperado ou o inevitável invade os planos e tira tudo do lugar. É, as vezes isso acontece.
Na maioria das vezes isso acontece porque todo começo precisa de algo pra terminar, e nós temos o hábito de nunca por um ponto final, não fechar a porta, não apagar a luz ao sair.

Novos começos precisam de novas atitudes, para andar de bicicleta é preciso tirar os pés do chão.
Não dá pra lidar com os problemas como lidava uns anos atrás quando os seus pais ainda partiam em sua defesa, quando o irmão mais velho protegia. Não, chega a hora de começar a andar por si mesmo.
Todo dia é dia de começar algo. Alguns começos acontecem de um jeito inesperado e chegam sem avisar. Então nós não temos outra escolha a não ser nos adaptar a ele, e enfrentar o que for e quando vier.

8 comentários:

  1. Lindaaaa, que saudades dos seus posts!!!

    Concordo totalmente com você! A gente começa uma história sem querer chegar ao ponto final (sempre fico meio triste ao chegar ao fim de um livro), mas temos que aproveitar o durante, né? Não porque uma coisa tem fim que ela não é boa - até mesmo porque, como você mesma disse, todo começo precisa de algo pra terminar.

    "Novos começos precisam de novas atitudes, para andar de bicicleta é preciso tirar os pés do chão." Concordo plenamente! Mas às vezes é tão difícil mudar de atitudes porque a gente não sabe bem por onde começar! E a gente não sabe o que esperar! Mas é assim mesmo: temos, inexoralvelmente, que nos adaptar a esses começos.

    Ótimo texto!! Parabéns, Cosabella!

    Beijão

    www.pessoaesdruxula.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Saudade dos seus posts também.
    E é bem isso o que acontece: novos ciclos pedem atitudes novas, uma postura coerente com aquilo que se pretende alcançar.
    Tudo o que é novo ocasiona medo, desconfiança, mas se valer a pena, por que não?
    E quanto ao fim, há coisas que por si só já se findam, algumas que nós precisamos terminar e outras que parecem não esgotar nunca, mesmo fechando algumas portas (para reabrí-las mais tarde).
    Ah, é sempre um prazer vir aqui. Adoro o que escreves e como escreves.

    Beijo, flor!

    ResponderExcluir
  3. Belo post!!!

    Belo blog,gostei daqui... VOltarei mais vezes...

    Convido vc a conhecer meu trabalho (poesia, musica, teatro)

    Ficaria muito feliz!

    http://mailsonfurtado.com

    ResponderExcluir
  4. simplesmente estou sem palavras para descrever esse texto deslumbrante ! amei, amei, amei. Meus parabens querida.
    gostaria que visitasse meu cantinho...
    www.lugardistante.blogspot.com
    desde ja agradeço. E um grande abraço.

    ResponderExcluir
  5. realmente, é oque fazemos sempre que nos sentimos perdidos.. gostei da tua visita.
    estou seguindo o blog, gostaria que seguisse o meu tambem...

    beijos.

    ResponderExcluir
  6. Olá ! postei um texto novo.
    comentando sobre seu texto..
    eu ainda preçiso dar o primeiro passo para o meu começo, queria não ter tanta falta de vontade :/

    ResponderExcluir
  7. como você pediu, estou vindo lhe avisar que tenho post novo, rs. Mas deixando claro tambem, que nao fala de amor. RS e respondendo tua pergunta.. não sei como te dar dicas, nao sei nem como consigo falar de amor tambem, pois nunca senti isso, e ainda sou uma pessoa desconheçicda do amor, por isso na maioria das vezes apelo pelos textos ficticios, ;)

    ResponderExcluir
  8. Saudade dos teus textos.
    Obrigada pelo carinho e pela visita. E desculpe pela demora em responder, é que o trabalho está me tirando o tempo livre. =)
    Bjuu!

    ResponderExcluir